O Projeto Pedagógico atinge, em sua globalidade, toda a Comunidade Educativa e por isso provoca,

em cada um de nós: Reitoria, Pais, Professores, Auxiliares de Ensino e Alunos, a responsabilidade individual

de procurar colocá-lo em prática.

Caracterização

O Colégio Santo Antonio Maria Zaccaria, localizado à Rua do Catete, 113 – Catete – Rio de Janeiro – RJ, tem como Entidade Mantenedora a Sociedade Brasiliense de Belas Letras e Ciências, e pertence à Congregação dos Padres Barnabitas. Os Barnabitas mantêm várias escolas pelo mundo e, praticamente desde a sua fundação no século XVI, vêm pautando suas atividades educacionais em uma metodologia prática, criativa, eficiente e aberta a mudanças e diferenças culturais.

Objetivos Gerais do Colégio Zaccaria

O Colégio Zaccaria entende ser testemunho eclesial no campo da educação através de seu serviço específico, em função do ser humano.

Por isso, propõe-se a oferecer uma educação integral formando o jovem para a liberdade e o compromisso, assumindo uma escala de valores humanos e cristãos pautados na coerência e na responsabilidade.

Presente no meio da cidade e assumindo uma bela missão, o Colégio Zaccaria quer ser responsável por: ajudar os jovens a descobrir, pessoal e livremente, sua consciência cristã; a aprofundar esta descoberta; e a adquirir uma sabedoria de vida que os leve a uma opção de fé e à adesão à Igreja.

Deste modo, o Colégio Zaccaria se compromete a ser fiel aos ensinamentos da Igreja Católica, pelos quais pauta a sua proposta pedagógica, baseada em uma ação criadora e profética, pessoal e libertadora, comunitária e realista, permanente e dialogante.

O Desenvolvimento Pedagógico

O trabalho pedagógico se inspira no ensinamento de Santo Antonio Maria Zaccaria, que propõe a gradualidade.

A partir da Educação Infantil estão fixados objetivos precisos a serem alcançados em períodos pré-determinados, através dos Planos de Curso. Tal procedimento, que se estende da Educação Infantil ao Ensino Médio, passando pelo Ensino Fundamental, será capaz de levar-nos a atingir os objetivos pedagógicos propostos. Esses Planos de Curso apresentam, sempre, uma gradualidade, obviamente adaptando-os às diferentes circunstâncias temporais e aos diagnósticos das turmas elaborados ao início de cada ano letivo.

Educação Infantil

Desenvolver habilidades como: expressão verbal, efetuação de cálculos, leitura e escrita. Isto, nos primeiros anos, é importantíssimo para o desenvolvimento das crianças e de suas competências, capacitando-as para a interpretação, resolução e generalização de diferentes problemas e situações, que servirão como instrumentos indispensáveis para dialogarem com o mundo.

Saber algo não é apenas obter uma determinada informação, mas ser capaz de interpretá-la e relacioná-la a outros conhecimentos, como também de situá-la no mundo em que se vive.       Esses conhecimentos permitem a construção de outros, através de ações conjuntas que envolvem o planejamento, a coordenação de idéias, e a elaboração de interpretações e de generalizações, de tal forma que promovam a socialização do saber.

O aluno é trabalhado incessante e amorosamente, para que desenvolva todas as suas potencialidades, proporcionando-lhe a contínua aprendizagem com êxito.

As atividades religiosas são integradas ao currículo respeitando o processo natural de crescimento do ser humano, possibilitando ao aluno descobrir, criar, construir, repartir e amar.

No Colégio Zaccaria, a Educação Infantil é vista como o primeiro degrau a que nos referimos no início deste capítulo.

O Currículo da Educação Infantil

O Currículo da Educação Infantil se desenvolve através de atividades significativas, que são realizadas pelas próprias crianças e são resultantes de sua ação e interação no ambiente escolar como forma de efetuar aprendizagens.  Essas atividades compõem um currículo comum de experiências cognitivas, afetivas, sociais e de referências culturais e religiosas, levando em conta, ao mesmo tempo, a singularidade de alunos e professores.

As atividades propostas envolvem, simultaneamente, objetivos de várias áreas de conhecimento, promovendo a integração dos componentes curriculares e seus conteúdos.

Carga Horária

Para a Educação Infantil a carga horária semanal é de 25 horas e a carga horária anual é de 1000 horas,  em um total de 40 semanas de efetivo trabalho pedagógico.

Ensino Fundamental

O Ensino Fundamental dá continuidade ao trabalho desenvolvido na Educação Infantil, preparando o aluno para o Ensino Médio.

Buscando desenvolver competências e habilidades, esta etapa pedagógica visa ao desenvolvimento formativo e à construção de uma aprendizagem significativa, na qual o aluno percebe o que faz sentido para ele construindo conceitos como sujeito ativo.

Há um constante estímulo do interesse pelo conhecimento produzido pela humanidade, com um aprofundamento gradativo da percepção da realidade, interpretando-a e vislumbrando possibilidades de atuação para modificá-la, dentro de um espírito crítico, em uma dimensão de colaboração.
O método científico, conduz à aprendizagem das Ciências, estimula a curiosidade e a iniciativa, reforçando a livre expressão do aluno, marca das atividades pedagógicas.

As vivências culturais constantes, através da produção e apreciação artísticas, alicerçam o aprimoramento de uma audição mais consciente e de uma visão aguçada pelo senso estético.
O trabalho com o corpo tem a finalidade de lazer e de expressão de sentimentos, buscando cooperação e respeito às regras e limites.

Como suporte de todas as construções está a aquisição de um melhor conhecimento da língua, através de desempenhos linguísticos contextualizados.

Outras linguagens objetivam estabelecer novas relações para a construção do conhecimento, possibilitando ampliar a percepção do aluno para novas formas de comunicação.
Os valores cristãos, já iniciados na Educação Infantil, agora permeiam as competências e habilidades de forma mais sistematizada, propiciando ao aluno um aprofundamento na fé, bem como proporcionando-lhe um crescimento integral e mais harmonioso.

Carga Horária

Para o Ensino Fundamental a carga horária semanal mínima será de 25 horas, em um total de 40 semanas e 1000 horas anuais.

 O total de horas do Fundamental II é de 9280 horas.

Ensino Médio

O Ensino Médio do Colégio Zaccaria, etapa final da Educação Básica com duração de 3 (três) anos, tem como finalidades:

  •  Consolidar e aprofundar os conhecimentos adquiridos no ensino fundamental, possibilitando o prosseguimento de estudos e pesquisas;
  •  Aprimorar o educando como ser humano, incluindo a formação ético-religiosa e o desenvolvimento da autonomia intelectual e do pensamento crítico;
  •  Tratar os conteúdos de ensino de modo contextualizado, aproveitando sempre as relações entre conteúdo e contexto a fim de dar significado ao aprendido, estimulando assim o protagonismo do aluno e incentivando-o a ter autonomia intelectual;
  •  Compreender os fundamentos cientifico-tecnológicos dos processos produtivos, de modo a relacionar a teoria com a prática no ensino de cada disciplina, lidando com sentimentos associados às situações de aprendizagem;
  •  Tratar as linguagens não apenas como formas de expressão e comunicação, mas como constituidoras de significados, conhecimentos e valores;
  •  Adotar estratégias de ensino diversificadas que mobilizem mais o raciocínio e outras competências cognitivas superiores, bem como potencializem a integração aluno-professor e aluno-aluno para a permanente negociação dos significados dos conteúdos curriculares, de modo a propiciar formas coletivas de construção do conhecimento;
  •  Compreender o conhecimento como construção coletiva, realizada de modo sócio-interativo na sala de aula, no trabalho, na família e em todas as demais formas de convivência;
  •  Preparar o educando para a cidadania e o trabalho, capacitando-o a se adaptar, com flexibilidade, a novas condições de ocupação e/ou aperfeiçoamento posteriores;
  •  Destacar a educação tecnológica básica, a compreensão do significado das ciências, das letras e das artes, bem como o processo histórico de transformação da sociedade, da cultura e da língua como instrumento de comunicação.
  •  Preparar, de maneira eficaz, o aluno para o vestibular, tornando-o apto a ingressar nas melhores Universidades Públicas do país.

Carga Horária

De acordo com a Lei de Diretrizes e Base da Educação, os colégios deverão oferecer um Ensino Médio com um mínimo de 2400 horas em 3 anos.

O Colégio Zaccaria, cônscio da responsabilidade assumida em oferecer as melhores perspectivas de continuação de estudo aos seus alunos, oferecerá uma carga horária que exige maior permanência do aluno no Colégio, utilizando-se dos sábados para provas e simulados, além de aulas de apoio à tarde para os alunos em necessidade.

Para a 3ª série, a carga horária é ainda maior, pois além do apoio, haverá 3 tardes de aulas regulares e ainda plantão de dúvidas. Isto decorre, principalmente, da necessidade de preparar esses alunos para os exames de acesso ao nível superior: o Vestibular.

 A carga horária total do Ensino Médio no Colégio Zaccaria é de 4200 horas.

Avaliação, Recuperação e Frequência

O Colégio Zaccaria entende que a avaliação deve se ligar ao desempenho científico, mas também ao desempenho comportamental.

As situações de avaliação, especialmente na Educação Infantil, não passam por exercícios específicos, atividades descontextualizadas ou testes. É possível observar a criança em inúmeras situações do seu dia-a-dia escolar.

A avaliação na Educação Infantil é feita através de Registros sobre o desenvolvimento do aluno.

A avaliação nessa fase deverá passar pelos aspectos cognitivo, social, emocional e psicobiológico, observando o professor se o desenvolvimento de tais aspectos, integrados, estão levando ao crescimento da criança.

Em cada componente curricular do Ensino Fundamental e Médio, o professor, durante o ano letivo, dispõe de 40 pontos para avaliar o desempenho científico e 10 pontos para o desempenho comportamental.

O ano letivo está divido em 4 períodos e cada período tem o valor de 10 pontos.

A avaliação do conteúdo será diversificada, podendo o professor aplicar testes, provas, pesquisas, trabalhos individuais ou em grupo. Os resultados desta avaliação, em cada período, serão expressos através de média, numa escala de 0 a 10.

A avaliação do desempenho comportamental do aluno durante o ano será expressa pelas letras (Sim – “S”, Não – “N”, As vezes – “V”), as quais acompanharão os pontos de cada período considerando-se: assiduidade e pontualidade, responsabilidade, comportamento social, participação e interesse. No final de cada período os conceitos, atribuídos por cada docente em sua disciplina, serão convertidos em valores numéricos, variando de 0(zero) a 0,5(um) ponto, configurando o ponto por desempenho.

 Ao longo do ano letivo, durante os quatro períodos, o aluno poderá acumular um total de no máximo 4,0(quatro inteiros) que serão somados ao total de pontos referentes à avaliação cognitiva.
Recuperação 

Ao final de cada um dos 4 primeiros períodos, aos alunos que não obtiverem média 7,0 (sete) em cada componente curricular, serão oferecidos estudos de recuperação constando de:

– Aulas de reforço de conteúdo
– Atividades diversificadas (AD)
– Uma Prova (PR)

O resultado da recuperação será dado pela fórmula onde MR = média da recuperação:

MR = (AD) + (PR)
2

Se a MR for menor que a média do período, será desconsiderada.
Se a MR for maior, será aplicada a fórmula onde NMP = nova média do período e MP = média do período.

NMP = MP + MR
2

e essa nova média irá substituir a média do período em questão.

As provas de recuperação paralela não apresentarão recurso de segunda chamada.

Sistema de Aprovação e Reprovação

O aluno que, em cada componente curricular, tiver atingido a média anual 7,0 (sete) estará APROVADO.
A média final será calculada pela fórmula:

Média Final = (soma das médias dos 4 períodos) + (desempenho anual)
4

O aluno que não tiver atingido a média anual 7,0 (sete) deverá fazer prova de recuperação final, desde que não exceda o número máximo de 5 disciplinas. Será considerado aprovado se atingir a média final igual ou superior a 6,0 (seis) aplicada a seguinte fórmula:

Recuperação Final = Média final + Prova de recuperação Final
2

O aluno que não obtiver média anual 7,0(sete), somente poderá fazer prova de recuperação final em um máximo de 5 (cinco) componentes curriculares para o Ensino Fundamental e Ensino Médio. Não satisfazendo essas condições, o aluno será considerado reprovado.

O aluno com freqüência inferior a 75% do total das aulas dadas, será reprovado.

O Conselho de Classe avalia todos os alunos e ele é o instrumento pedagógico válido para decidir a promoção do aluno de uma para outra série.

Será concedida a revisão das provas de recuperação final, desde que solicitada até 24 horas após a entrega dos resultados, mediante requerimento por escrito do responsável à Coordenação pedagógica, justificando a solicitação e efetuando o pagamento de uma taxa.

Currículo

Os currículos da Educação Infantil, Classe de Alfabetização, do Ensino Fundamental e do Ensino Médio terão, anualmente, seus conteúdos revistos e definidos pelos professores, e serão parte anexa a esta Proposta Pedagógica.

A Família no Colégio Zaccaria

A educação, inerente ao indivíduo, constitui um direito de todos. O Colégio Zaccaria como instituição de ensino que visa a formação integral do indivíduo, não só no plano cognitivo mas também no afetivo, social e religioso, prioriza a necessidade de uma parceria com a família, reconhecendo que esta seja fundamental para o desenvolvimento do aluno.

A relação interativa e interpessoal entre Família e Escola facilita a integração desses elementos no processo educativo.

O Colégio Zaccaria, durante o ano letivo, promove encontros com a família através de:

  •  Entrevistas
  •  Reuniões de Pais
  •  Palestras com profissionais de renome para abordagem de temas atuais e relevantes para a Educação
  •  Festas Escolares
  •  Culminância de Projetos
  •  Eventos Religiosos
  •  Feiras
  •  Exposições

Propostas e Prioridades

As Coordenações, no início de cada ano, estudam possibilidades de desenvolvimento de projetos pedagógicos, pastorais e de eventos. Os projetos e ações discutidos são apresentados à Reitoria para que esta priorize aqueles que se coadunem com as linhas de ação emanadas pelo Conselho Diretor.